Rotina destruidora do casal

Este tema é algo muito comum quando temos um relacionamento qualquer durante muito tempo - Vocês se conhecem demais, aumenta a intimidade, muitas vezes destruindo o respeito que nunca deve acabar entre ambos. Vocês não se perguntam mais sobre o que gostam de fazer, aquele tempo onde vocês estão se descobrindo, aquela época muito gostosa que parece ter acabado, e finalmente vocês parecem estar enjoando um do outro.
Você se lembra de quando perguntou ao seu amor, qual era a cor predileta dele? Quando perguntou a ele qual estilo musical mais o agradava? Quais os livros que ele mais gostava? A comida, a bebida, as roupas? O que ele menos gostava em uma pessoa em termos de caráter etc? Aposto que você se recorda dessa época com saudade, se você acha que seu relacionamento foi ou está sendo destruído por uma "rotina destruidora".

Alvo da Indiferença - Namoro Tormenta

Namoro tormenta, é como denominei, aquele relacionamento onde uma das pessoas é refém sentimental da outra, onde ela pode sofrer de ciúmes, e quando ela sente que gosta mais do seu par do que ele gosta dela. Existe um desinteresse aparente, ou falta de esforço de uma das pessoas para se encontrarem ou manterem contato. Esse desinteresse, faz com que a pessoa sofredora se torne ainda mais ligada àquela indiferente.
Vamos chamar de sofredor, aquele que é alvo do desinteresse. Chamaremos de Indiferente, aquele que parece ignorar o outro.





Amor e Paixão

Quando falamos em amor e paixão, muitas vezes não vemos diferença entre essas duas palavras.
A diferença é imensa, tenho um exemplo muito interessante ao meu ponto de vista: Duas pessoas recebem a mesma quantidade de lenha, sendo que uma delas, queima toda a lenha de uma só vez, enquanto a outra queima uma lenha de cada vez.
O resultado que se tem daquele que queimou toda a lenha, é uma fogueira gigantesca, ardente, intensa e poderosa, porém, ela tem uma duração curta, logo toda a lenha terá sido inteiramente consumida. No segundo caso, temos uma fogueira branda, equilibrada, constante, controlável e segura, que talvez nunca se apague.

Dando a Volta por Cima

Ninguém quer perder. O que uma pessoa não correspondida pode fazer pra dar a volta por cima?

Muitas pessoas não se abalam facilmente. Esse tipo de pessoa é admirada por todos; alguém que já passou por coisas piores do que a perda de um amor, alguém que não desiste fácil, mas sabe realmente como lutar pelo que quer. Algumas pessoas, não precisam de conselhos, outras, não aceitam conselhos por se julgarem em perfeito estado de espírito quando na realidade estão abaladas. Porque algumas pessoas fazem coisas tão extremas quando se sentem rejeitadas? Você pode não saber disso ou nunca ter ouvido falar, mas casos como: esperar na chuva, tentar se matar, fazer escândalos, foram presenciados por mim de perto, e provavelmente por muitas outras pessoas.




Os Estágios da Paixão

Resolvi dividir em estágios, o grau de sentimento que uma pessoa tem pelo outro. Existe uma variação de intensidade do gostar entre duas pessoas, baseado em vários fatores como: Tempo em que passam juntos, trocam idéias, que se conhecem, que se vêem. Minha divisão vem desde o momento em que você já está apaixonado e nem reconheceu, passando pelo momento em que você pensa naquela pessoa todo minuto do seu dia, até a fase em que você passa a perseguir a pessoa se tornando até inconveniente (principalmente se não for correspondido).

Paixão Tem Duração - Mas Só Penso Em Você

Quando foi mesmo que você descobriu que gostava daquela pessoa?

Você não consegue parar de pensar nela, aquela pessoa que lhe faz rir, que entende muitas coisas que você sente e parece até mesmo sentir igual. - Quantas coisas temos em comum...
De repente, quando aquela pessoa vai embora, fica em você uma necessidade gigantesca de vê-la, ouvir sua voz ou tocá-la. Ninguém mais tem tanto em comum e lhe faz sentir tão bem quanto ela.
Quando se percebe que a outra pessoa faz falta em sua vida, e que a queremos do nosso lado, dizemos estar apaixonados.




O Fim de Um Relacionamento

Uma das piores coisas que se pode acontecer para abalar o equilíbrio de uma pessoa, é ela ter seu relacionamento terminado - Namoro, casamento, qualquer tipo de rompimento.

A pessoa que foi "terminada", sente um imenso vazio dentro de si, e consegue sentir de verdade, frases que ela julgava serem metáforas: "Dor no coração", "Dor na alma"...



Para uma pessoa apaixonada, a dor chega a ser tão pesada a ponto de afetar sua saúde física, pois ela pode passar a se alimentar mal, perder o sentido de ser, ou ser levada a fazer coisas ao extremo

Timidez - NINGUÉM me quer!


Pelo senso comum, a Timidez é um padrão de comportamento caracterizado pela inibição em certas situações, podendo ser acompanhado de algumas alterações fisiológicas, como aceleração da respiração e dos batimentos cardíacos. Em outras palavras, é um padrão de comportamento em que a pessoa não exprime (ou exprime pouco) os pensamentos e sentimentos, e não interage ativamente. Esta maneira de explicar a Timidez é também usada em várias abordagens da psicologia e de psicoterapia.


Você passou sua adolescência sendo ridicularizado pelos colegas na escola, alguma característica física que você odeia, era sempre mencionada. no final das contas, de tanto ouvir aquilo, acabou cristalizando dentro de você que era verdade, que era fatal. Isso tudo, fez com que você tivesse vergonha de se relacionar com amigos, ou falar muito, se expor. Talvez sua própria criação, a educação recebida de seus pais o fizesse ser mais recatado.

Traição - Trair?

Este é um assunto delicado, porque não se pode falar de traição com apenas um ponto de vista único. Exstem muitos tipos de coisas a se levar em conta diante de uma traição: Família, filhos, lar, mudanças, então cada caso é um caso. Irei comentar sobre traição, se tratando de um casal de namorados. Um caso típico, mais simples de tomar decisões à respeito.

O grande vilão da traição, é a falta de diálogo. Na verdade como eu comento em outras postagens, o diálogo é o alicerce de todo relacionamento.
Para se chegar no ponto de traição, existe apenas dois fatores base para que isso tenha acontecido: Falta de maturidade do traidor e/ou falta de diálogo entre o casal.