Remorso

No fim de uma relação, aquele que carregar a culpa, pode não se perdoar e aceitar o fim.


É muito difícil admitir um erro às vezes, e quem sabe pior que isso, aceitar que seu relacionamento acabou por algo que você fez indiretamente, e que as vezes só admite pra si próprio.
Você sabe que por mais que peça desculpas, nada vai mudar o fato de que você errou, mas está profundamente arrependido do erro, e não terá como voltar atrás parar reparar. Você começará uma jornada solitária, martelando tudo o que fez de errado.

Perdão não adianta

Você tenta de forma inútil, pedir desculpas, se ajoelhar, dizer que se arrependeu, mas é inútil. Por mais sincero que você esteja sendo, a verdade é que você precisou de um choque ou uma perda pra acordar e perceber que o que tinha feito era errado. Você imagina então, tudo aquilo que podia ter feito (ou deixado de fazer), e percebe que se sentiria melhor.

Nem todo mundo terá uma segunda chance. Não é tão difícil assim, saber que estamos fazendo algo errado e que aquilo afeta de forma negativa um relacionamento que temos (ou tínhamos).

Orgulho, egoísmo, pensamento que temos de que nunca vamos perder aquele alguém, excesso de auto-confiança, mimos, tudo isso pode fazer com que a gente perca a noção de que ao cometer um erro, não seremos punidos.

O nosso egoísmo, e tudo mais que eu citei acima, simplesmente desaparece quando percebemos um erro. Era assim que a gente devia se sentir quando estamos fazendo, ou vamos fazer algo de errado, e não depois de cometer o erro. Cometer uma traição é "bom" pro ego, fazer uma pirraça, uma cena de ciúme, e a última coisa que fazemos neste momento, é pensar em quem amamos, ou talvez arranjamos uma desculpa esfarrapada pra diminuir os efeitos negativos que aquilo terá na nossa relação, achando uma justificativa barata para o que fizemos.


O remorso só vem mesmo quando perdemos de verdade alguém. Nada daquilo que você fez de errado tem importância, até que você possa ver com os próprios olhos que foi o suficiente pra destruir sua relação. De nada adiantará ficar pedindo perdão, porque quando a separação chega a ocorrer, é provável que a pessoa já esteja de saco cheio de tanto ser enganada ou feita de boba, sem ter sido levada a sério, e quanto mais você pedir perdão, mais irá afastar aquele alguém.

Sobre Paixão Repulsa

O que Fazer Então?

Sentir o remorso! O arrependimento dói, e é uma das piores dores que temos dentro da gente. Sentir essa dor e perceber que podíamos ter sido melhor, faz com que a gente passe por um momento ruim e não tenha vontade de que aquilo se repita novamente na vida. Às vezes nos sentimos culpados sem saber, com uma sensação de mal-estar ou insatisfação incômoda, quase sem motivo.

Se você comete um erro e não é punido por isso, você pode cometê-lo de novo e de novo até que aquilo dentro de você, não pareça mais um erro. Você terá criado várias frases para justificar este erro, e isso fará de você uma pessoa pior, porque se algo que você faz, prejudica alguém (em geral quem mais te ama), é sinal de que aquilo é errado,  e uma hora chega ao fim.

Se você "paga" por um erro que cometeu, seja por abandono, a separação por exemplo, você saberá que ao fazer aquilo de novo, estará correndo o risco de tomar um fora, de perder quem você gosta, você terá aguentado as consequências dos teus atos, e aprendido com o erro. Você não irá cometer o mesmo erro novamente, ou irá pensar duas vezes antes de cometê-lo.

Algumas pessoas não irão aprender com uma perda, talvez com várias, ao menos que ela se livre das desculpas esfarrapadas que dá a si mesma para continuar cometendo tais erros, que nunca são justificáveis. Fazer algo de ruim pra alguém, seja trair, difamar, desrespeitar, ou qualquer coisa que magoe e prejudique alguém, jamais será algo bom e justificável. Se você acha que não é justo que façam contigo o mesmo ao se colocar no lugar, e que não perdoaria, então não queira provar da dor da própria culpa.

O único futuro "bom" pra coisas que você fez errado, pra você aprender com isso, é o arrependimento, que um dia vem. Mesmo que demore meses ou anos e anos, ele chega, e saiba que irá doer muito mais do que você imagina, porque nunca se sabe quando ela irá parar de doer dentro de si e quanto tempo você pode carregar isso. Pode ser que dure pra sempre.

O homem superior atribui a culpa a si próprio; o homem comum aos outros