Existem mais homossexuais hoje do que antigamente?

Será que temos mais homossexuais hoje em dia, do que tínhamos em algumas décadas atrás? O que mudou?


Algumas pessoas dizem que a sociedade de hoje em dia, facilitou as coisas para que as pessoas se "tornassem" homossexuais, como se isso estivesse em moda ou algo do tipo.  Mas porque será então que antigamente tínhamos um número muito "pequeno" de homossexuais comparados ao que temos hoje?



A simples resposta

Costumo me deparar com esse tipo de comentário às vezes, e acho que todo mundo também ouviu falar. Acontece que muitas pessoas se esqueceram de como a sociedade mudou ao longo dos séculos e como os valores também se modificaram.

Não é certo por exemplo afirmar que as mulheres hoje em dia "resolveram" trabalhar fora porque isso está na moda, mas sim porque hoje em dia com muita luta contra o preconceito, conseguiu-se que trabalhar fora virou um motivo de orgulho e conquista.

Seguindo essa linha de raciocínio, nós tínhamos antigamente o mesmo número de homossexuais antigamente do que temos hoje, porém eles cresciam, sentindo-se diferentes na sociedade, e muitas vezes tinham que se casar com pessoas do sexo oposto sem ter desejo nenhum por elas.

Se assumir homossexual antigamente, não passava perto da mentalidade que temos hoje  em nossa sociedade. Todas as pessoas que se sentiam diferentes, não podiam se assumir, porque sofriam graves preconceitos e punições.

Tudo acontecia no grande auge da sociedade machista, que mesmo ainda hoje  em dia existem graves traços deste preconceito. Tal preconceito é tão marcante, que os homens estão muito mais inclinados a aceitar duas mulheres juntas do que dois homens, porque eles se fantasiam com isso.

O preconceito

Apenas para não passar batido, temos hoje em dia coisas que eram consideradas quase "crimes" e hoje nossa geração já está habituada. Os mais velhos e mais conservadores, são os que em geral ainda mantém o preconceito, mas que logo irão sair do poder ou perceber o grande erro que estão cometendo (ou deveriam).

Hoje em dia ainda existem questões que pesam muito mais do que assumir a homossexualidade, por exemplo, os casais que decidem em não ter filhos, são julgados pela sociedade com impiedade, como se fossem "monstros", tais como os ateus, mulheres que tomam profissões "masculinas", ou qualquer coisa que antigamente era considerado quase um "crime" ao se assumir.

Se você ainda tem a mente fechada ao seu próximo, e adora fazer piadinhas e julgar a natureza ou escolha dos outros, é importante rever seus conceitos, e ao menos respeitar as escolhas e as pessoas que são diferentes de você. Isso é o que nos faz um indivíduo e é essa diferença que nos torna seres únicos no mundo em que vivemos.

De que adianta você por exemplo dizer que acredita em deus, em coisas boas, se você não sabe tratar um semelhante com o respeito que ele merece por causa de sua natureza?

Aprenda a respeitar as diferenças, sejam elas religiosas, raciais, políticas, sexuais, culturais, ou de idade.