Falta de sexo

São apenas os homens que reclamam de sexo? Nossa leitora discorda.

A rotina faz o ritmo do casal diminuir. Você precisa estar pronto pra enfrentar este momento e manter as chamas acesas. O desabafo de hoje é o desespero da leitora pelo esfriamento da relação deles.



 Lucélia

 Estamos juntos faz 7 anos. Temos um filho. Ele tem 32 anos e eu 23. Ele diz que me ama, eu tenho certeza que é verdade.

O problema é que antes fazíamos sexo 4 vezes por semana, e agora apenas duas. Isso tem me deixado nervosa. Eu não quero me separar dele por causa disso.

 Ele pediu paciência, eu sei que ele não tem outra porque estou com ele 24 horas por dia. Queria entender a situação, acho que isso pode atrapalhar muito. Ele quer se casar comigo, também quero, mas cada vez eu fico mais nervosa com ele, termino, e ele diz que não me entende. Ainda não disse que o problema é o sexo...


 O que fazer? Não quero perder o amor da minha vida.

 @umombroamigo
 Seu maior erro até agora foi não dizer pra ele qual o problema. Ele precisa saber o que está acontecendo, ou nada vai melhorar. Não podemos esperar que nossos parceiros tenham bola de cristal e adivinhem o que a gente precisa. Uma boa dica também é tentar renovar as maneiras de sedução. Fazer com que ele te deseje mais, mudar o jeito que vocês fazem sexo, pode dar uma animada nele. Deixe a ansiedade de lado. Que tal substituir o desespero por um plano de ação?