Fui usada como amante.

Nossa leitora de hoje achou que ele estava se separando.

Acho que quase todo mundo já ouviu a famosa história do homem que diz estar saindo de casa, quando quer ter uma relação fora do casamento.

Ou vocês acreditam mesmo que eles chegam pra uma mulher que estão afim, e dizem que seu casamento está uma beleza?



Me sinto usada

Estava há algum tempo sozinha, mas estava bem. Então um colega, na época meu chefe, começou a se aproximar de mim.

Falava sobre sua vida, que seu casamento estava acabando, que ela o desprezava, que a seis meses não se tocavam, que ela era grossa com ele, que ela até já havia pedido a separação, que iria embora da cidade após a formatura do filho que seria em dezembro do ano passado.

Sempre me convidava para caminhar, eu não via nada de mais nisso. Mas, um dia recebi uma ligação dele dizendo que precisava me fazer uma pergunta, que ficaria feliz se a resposta fosse positiva, senão a amizade seria a mesma. Ele perguntou se tinha uma chance comigo. Argumentei que ele ainda era casado, e ele disse que estava tudo resolvido, então eu disse que sim.

Ele começou a me mandar mensagens pelo celular que me amava, ela pegou o celular dele e viu.

Ficou furiosa, me ligou, quebrou o celular dele, tocou ele de casa, até que ele foi bater na minha porta pedindo para dormir lá. Deixei.
Ele dormiu na cama da minha filha, já que ainda nem tínhamos ficado juntos.

 Ela foi ao nosso trabalho me procurar, fez escândalo, tocou de apartamento em apartamento até descobrir qual era o meu, me ligava me ameaçava...
Tentou até suicidio, e foi internada numa clínica psiquiátrica.

 Mas ele já não sabia mais o que queria. Dizia me amar, mas se sentir responsável por ela, já que ela engravidara aos 16 anos, e não tinha emprego.

Voltou pra casa, mas continuava comigo.
 Eu acabei engravidando, ele contei pra ela, então ela me ligava dizendo que o filho era do diabo....
 Até que a pouco tempo ele resolveu vir morar comigo, já tinha dito isso várias vezes, mas não ficava mais que dois, três dias. Ela não deixou trazer todas as roupas.

Depois de um mês ela trouxe as roupas dele. Mas, agora era o contrário ele morava comigo, e ia ficar ela, com a desculpa de ver o filho, de encaminhar a separação...
Passava o dia em casa, depois ela mandava mensagens que tinha transado com ele.

Um dia ele foi para pegar os papéis para encaminhar a separação, não voltou. Quando liguei ele disse que estava com ela, que ia voltar com ela, que tinha tentado me amar mas que não tinha conseguido. Repetiu várias vezes: Eu tentei te amar mas não consegui, desculpe.

 No outro dia fui trabalhar, ele não me olhava. Eu disse se ele iria embora já que eu não desejava trabalhar com ele, e ele disse que estava pensando.

Furiosa mandei várias mensagens pra ela, dizendo que ele só ficaria com ela, por ela não ter nem emprego.
Ela mandou outra dizendo que ele só me usou, só pra variar, que estava cansado da rotina de 23 anos de casados.
Depois ela disse que não sabia se ainda queria ficar com ele, pois não confiava mais, mas que eu estava certa, que ela não tinha opção.

Eu também admiti que ele me usou e disse que desistiria. Arrumei as coisas dele e levei no nosso trabalho entreguei pra ele, ele disse que queria dar mais uma chance pra ela, que ela tinha pedido. 
Falei da nossa conversa, e ele ainda em dúvida, rebateu que pagaria pensão pra ela e deixava ela com a casa se eu quisesse.

No fim ele foi pra casa com ela, levou as coisas, não me ligou o dia todo.

Acho que os dois são dois pilantras, ela não o quer mas, não quer perder o sustento.
Ele, acho que só fala da boca pra fora que deixa tudo pra ela, mas no fundo é apegado aos bens materiais, ou a ama.

 Estou me sentindo muito mal por ter sido usada dessa forma, nunca procurei por ele, nunca pedi chance pra ele.
Por que ele se aproximou de mim?

Eu estava tão bem...

Se ele gostava dela por que não insistiu no início? Se era falta de sexo por que não procurou uma profissional?
Estou muito decepcionada. Nem consigo acreditar que aconteceu isso comigo, como pude me deixar usar dessa forma?

leia também:


Uma coisa que as mulheres ainda não sabem, é que se meter com homem casado é sempre a mesma coisa. Eles sempre dizem que o casamento não vai bem, e que estão "saindo de casa". A história é sempre a mesma, quando eles percebem a chance de cometer uma traição.

Eu diria que você caiu num "clássico", inclusive já discutido várias vezes no blog de várias formas. 

Pode até ser que ele fosse mesmo sair de casa, ou venha a sair. O que você deve saber, é que nunca vai se livrar dela por completo, e que sempre será a outra.
Ele sempre terá o filho para visitar, e isso dará chances dela sempre lutar por ele novamente. Assim que tudo enfraquecer, ele volta de novo te procurando. 

Você acabou entrando nas intrigas, trocando desaforos, acabando com a sua paz, se expondo, por dizer sim para um homem casado. O que você deve saber, é que as coisas não vão mudar, e o pior de tudo é uma gravidez na história. Ele pode ter ficado balançado, mas esta é uma atitude padrão de um canalha. Ele nunca ficaria só com você. A conclusão da história você mesma já deu com a sua última pergunta.