Amizade colorida?


Amizade Colorida?

Fiquei a primeira vez com o este homem, há mais de três meses. Voltamos a ficar agora, e desde então nos vemos pelo menos duas vezes por semana.

 Aquela balela de sempre, nos damos bem, sempre temos assunto, e aparentemente é tudo muito tranquilo quanto a ciúmes, já que sempre que fomos à mesma festa ficamos juntos.



 Eu saio com minhas amigas e fico com outras pessoas, ele também sai com seus amigos e provavelmente também fica com outras gurias. Porém, eu abrira mão de outras pessoas pra ficar apenas com ele. 

Mas, sempre tem o mas, não sei "qual é a dele".

Tenho 19 anos e ele 28, sim, uma boa diferença de idade que faz muitos falarem que eu seria só uma diversão para ele. Mas garanto que não perco em nada para nenhuma mulher de 20 e poucos anos. Além de morar fora de casa desde os meus 13 anos e já ter tido um namoro de quatro anos, faço faculdade e trabalho. Posso dizer que tenho maturidade o suficiente.

 Eu estava tranquila quanto a "relação", deixando tudo ir tempo a tempo, sem pressionar e sem me iludir. Mas foi quando ele me chamou de "amiga colorida" que eu vi que já tava muito envolvida! 

Fiquei indignada por ele já denominar a nossa "relação" e ainda mais pelo visto, me considerar apenas uma amiga. Logo depois disso disse que tinha ciúmes de mim! Como entender?

Patrícia



Você precisa abrir o jogo. 
É importante que você tenha em mente quais são seus objetivos. É melhor decidir isso o quanto antes. 


Quanto mais você deixar a coisa crescendo, pior vai ser pra você enfrentar a situação no caso de ele não querer nada mais sério.


A relação de vocês não é séria. Ambos podem fazer o que quiser e você mesma concordou com isso. Talvez o problema esteja exatamente aí. Pode ser que ele goste de você, mas espera que você se abra pra ele. Pode até ser que ele não queira mesmo se envolver e queira continuar do jeito que está, só que neste caso, quem vai sofrer mais é você.


O problema das "ficadas", é virar um grande problema na hora de se tornar "oficial". Poucas pessoas conseguem transformar em namoro uma relação livre, em que ambos podem fazer o que quiser desde o início. 


Não deixe o tempo ir passando sem colocar as cartas na mesa. 
imagem-getty

Agora é com você, leitor!