É possível amar duas pessoas ao mesmo tempo?


Olá. o meu nome é C. Há um ano apaixonei-me por um rapaz durante as minhas férias. Ele trabalhava na praia e tivemos muita química.

A partir do momento em que estivemos juntos nunca mais parei de pensar nele. Vim para Lisboa e durante o ano todo não o consegui esquecê-lo, porém o sentimento não era correspondido, ele só queria diversão e acabei por deixar de falar com ele para não me magoar.

Este ano voltei a ir de férias e voltei a vê-lo, não falamos mas bastou vê-lo para perceber que ainda o amo.


Tenho namorado há pouco tempo e gosto muito dele mas sinto que de certa forma o estou a enganar, será possível amar duas pessoas ao mesmo tempo?


É possível amar duas pessoas ao mesmo tempo sim. 
De certa forma, qualquer coisa que produza serotonina e dopamina no nosso cérebro é o que nos deixam felizes. É possível que você tenha momentos de prazer com um e com o outro, mas no momento em que conhecemos alguém novo e permitimos uma aproximação maior, intimidade, pensamos neste alguém quase que o dia inteiro, passamos a nos sentir melhor com ele do que com o outro. Acontece que a química física não é amor, que envolve uma certa amizade e conhecimento um do outro. Cuidado que a paixão pode passar.

Ao mesmo tempo uma paixão nova, é como comer a mesma comida todos os dias e provar um tempero diferente em algum momento. 

Por este motivo é que sempre devemos prestar a atenção para que nosso namoro não caia em rotina. Você entrou numa situação difícil, onde seu corpo e mente pedem pelo novo, por renovação, e sua mente está razoavelmente satisfeita com o "certo", com a zona de conforto. 

Ou você tenta focar tudo o que puder para se "apaixonar novamente" pelo namorado que tem, ou se não for capaz, melhor abrir o jogo com ele e partir pra outra, já que você estaria condenada a viver pensando no outro. O que não é legal, é ficar com os dois na mentira. 

imagem-getty