Pessoas que se amam menos que os outros

Certo comentário aqui no blog, me chamou a atenção outro dia. A leitora dizia mais ou menos assim:

"Sou gorda e flácida, eu fujo dos homens que me querem por me achar feia."


Normalmente, nos deparamos com pessoas que reclamam de nunca ter um pretendente, nunca ser desejado de forma alguma, por se dizer feio etc. O que vemos neste comentário, é uma pessoa que descarta outras que a desejam, em função de se odiar, ou seja, ela se ama menos que outras pessoas. Ao que parece, os rapazes se interessam por ela, mas ela se odeia tanto a ponto de dispensá-los.


Quando alguém se declara, joga um charme, ideias, qualquer outro sinal de que está a fim, é sinal de que esta pessoa fez uma escolha e resolveu investir nela. Quer dizer que ela sente uma atração.

Quando alguém não gosta da gente, ele se afasta de qualquer forma, pra não dar nenhuma esperança. Você
procura fazer o possível para que aquela pessoa não tenha nenhum interesse por você - não envia sinais, não dá mole, não flerta, nenhum tipo de investida, entendeu?

Antecipadamente, nossa amiga gordinha supôs que deveria fugir, com vergonha do próprio corpo.

Você é o que você é, suas características físicas estão aí, expostas. Se tem alguém investindo em você, é porque te deseja, independente do que você realmente pense sobre si mesma.

O maior obstáculo que temos no romance, é não gostar da gente como a gente é. Se você não gosta, quem mais irá? Baixa auto-estima, é um grande vilão, porque mina qualquer "tesão" pela pessoa. Um resmungão não é sexy. Aquele espírito de porco e mal humor, brocha qualquer um.

Então, fica a dica pra quem ainda pensa desta forma. Você pode até se odiar fisicamente, chegando à conclusão de que "você não faz seu tipo", mas há de concordar que "há louco pra tudo", não é?