Quem Fala



Conhecendo um pouco sobre a fundadora do blog e como ele surgiu.

Olá pessoal! Senti a necessidade de fazer um post falando um pouco sobre como o Um Ombro Amigo surgiu, um pouco sobre meu envolvimento com ele, algumas curiosidades mesmo.

Muita gente até mesmo acha que existe uma equipe imensa que produz o blog, as matérias, desenhos, e não faz idéia que ele foi criado por apenas uma pessoa.

Meu nome é  Giselle Castro, mais conhecida como Gisa. Nascida no dia 14/05/1981 em Juiz de Fora MG.

Na época que comecei a fazer o blog, não tinha intenção de que ele se tornasse tão famoso assim. Eu só queria ter "conselhos prontos" para meus amigos que sempre me procuravam pedindo "um ombro amigo", e achei legal ter meus conceitos englobados em postagens mais bem elaboradas, para que eles pudessem ver de uma só vez.

Desde pequena eu era aquela garota da escola que aconselhava, observava, e sem querer, era aquela que naturalmente as colegas procuravam.

Com o passar dos anos percebi que tinha uma facilidade pra lidar com a coisa e acabei me aprofundando mais no tema, seja com livros ou cursos de aconselhamento e Psicanálise por exemplo.

Ao contrário do que muita gente pensa, eu não tenho uma equipe. Eu montei o blog com minhas próprias mãos, post a post, lendo muito, me inteirando de assuntos, e até mesmo a parte de design.

Isso mesmo. A logomarca do blog foi feita por mim, já que uma das minhas paixões é photoshop.  A bonequinha azul, os bonequinhos da logo antiga, todos desenhados por mim.

Falando mais sobre mim, sou ligada a música (fui criada com música), gosto de tocar violão, compor, aprecio a costura, tecnologia de ponta, informática em geral, video-games, uma boa leitura, gosto de escrever contos, desenhar como já mencionei, além  pintar o cabelo de cores diferentes, que acabou virando um hobby.

Com o crescimento do blog, ficou impossível fazer consultorias. Muita gente me procura, e foi ficando difícil dar atenção pra todas elas. Eu queria deixar isso bastante claro, para que ninguém pense que eu dou pouca importância aos meus leitores (que adoro), e pelo contrário criei o Desabafo do Leitor no blog, para que pelo menos os leitores possam conversar entre si, e que cada um dentro do possível ganhe um pouquinho de atenção.

Como vocês podem ver, o blog era um rascunho dos meus pensamentos, e agora mudou de algo que antes era um mero passatempo, para um projeto bacana e que eu dedico uma parte do meu tempo tentando ajudar as pessoas, tirar dúvidas, trabalhar em formas mais diversas de postagens, tentando trazer um pouco de auto-estima pra quem passa por aqui.